Vinho Tinto Luigi Bosca Icono 2010

Vinho Tinto Luigi Bosca Icono 2010

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars Loading...

Toda vinícola reputada tem um grande vinho para chamar de seu. O Vinho Tinto Luigi Bosca Icono é uma das obras-primas da vinícola Luigi Bosca, de Mendoza. Elaborado a partir de vinhas velhas (com mais de 90 anos) de Malbec e Cabernet Sauvignon, plantadas a mais de mil metros de altitude, trata-se de um Vinho Tinto opulento e sofisticado ao mesmo tempo. No nariz, ostenta aromas complexos de geleia vermelha, especiarias, violetas, avelãs, trufas negras, couro e café, além de notas de barrica bem integradas. É untuoso e intenso na boca, com um maravilhoso equilíbrio e longa persistência. Seu potencial de guarda chega a 25 anos!

 

Pontuação: 92 pontos Robert Parker
País: ARGENTINA Argentina
Região: Mendoza
Produtor: Luigi Bosca
Tipo: Tinto
Teor alcoolico: 14,5%
Tamanho da garrafa: 750ml
Temperatura de serviço: 16 a 18°C


Em até 3x de R$290,67 s/ juros

Mendoza
Mendoza

Vinificação

As uvas Malbec e Cabernet Sauvignon são colhidas manualmente. Os cachos passam por uma cuidada seleção e fazem maceração pré-fermentativa. A fermentação alcoólica se inicia em pequenas cubas de aço inoxidável com temperatura controlada e inoculação de leveduras. O vinho termina de fermentar em barricas novas de carvalho francês, nas quais acontece a fermentação malolática. Sua maturação também é feita em barricas novas de carvalho francês, durante 18 meses. Em seguida, os melhores cortes são engarrafados como Icono.

Harmonização

Cordeiro assado, carnes bovinas, carnes de caça e queijos curados.

Sobre a vinícola

Luigi Bosca é um dos grandes nomes do vinho argentino. A vinícola pertence aos Arizu, que têm uma tradição secular na elaboração de tintos e brancos em Mendoza. Atualmente, é gerida pela quarta geração da família. A vinícola fica em Luján de Cuyo, mas possui sete propriedades em zonas privilegiadas de Mendoza (Luján de Cuyo, Maipú e Vale de Uco), totalizando quase 700 hectares de vinhedos próprios. As diferentes variedades de uvas foram trazidas da Europa no final do século XIX, mas as vinhas de hoje são o resultado de uma seleção das melhores vinhas velhas da família.