Teor Alcoólico dos Vinhos: Você Sabe Escolher?

Imagem post

O teor alcoólico é uma propriedade não muito observada nos vinhos, mas que interfere diretamente em seu sabor

Taninos, acidez, doçura, cor, aroma… São muitas as características presentes e analisadas em cada rótulo, mas o teor alcoólico vinho nem sempre entra nessa discussão, embora seja muito importante.

O teor alcoólico das outras bebidas sempre é analisado e discutido por seus amantes, já que influenciam em seu sabor e também na experiência obtida no consumo, e é claro que o mesmo se aplica ao vinho.

Por isso, é muito importante entender mais sobre o assunto, de modo a poder debatê-lo com outros enófilos e escolher uma boa garrafa de vinho também de acordo com o seu teor alcoólico.

Como o Álcool Faz Parte do Vinho?

O álcool é um resultado natural da produção do vinho, ou seja, ele não é acrescentado durante o processo, mas sim passa a existir graças a determinadas reações químicas.

Um dos erros mais comuns para um amante de vinho é não saber como o álcool pertence ao vinho, se ele é introduzido em seu processo de produção ou acrescentado separadamente.

A glicose e a frutose são dois tipos de açúcar presentes nas uvas, que podem ter um sabor mais adocicado ou mais ácido na hora de degustar a fruta de acordo com a sua concentração.

Quando uvas mais doces são utilizadas para a produção de um vinho, isso quer dizer que a bebida tende a ser mais alcoólica, já que os açúcares servirão de alimento para microorganismos chamados de leveduras.

Essas leveduras existem tanto nas próprias uvas quanto nas vinhas e nos barris de carvalho, utilizados para o amadurecimento da bebida. Depois de se alimentarem de açúcar, elas sintetizam dióxido de carbono e etanol, que é o álcool dos vinhos.

teor alcoólico vinho

Esse é o tão famoso processo de fermentação: a sintetização das leveduras, que transformam a glicose e a frutose em álcool. Logo, o teor alcoólico vinho existe naturalmente, graças a esse processo.

Existe uma exceção bastante conhecida, que é o caso dos vinhos do Porto, que recebem aguardente vínica para que o processo de fermentação seja interrompido.

Nesse caso, o álcool é adicionado “artificialmente”, embora ainda pudesse surgir naturalmente caso a fermentação prosseguisse da maneira que ocorre com os outros tipos de vinho.

Qual é o Teor Alcoólico Vinho?

Em média, um vinho possui 14% de teor alcoólico, embora isso possa variar bastante, de acordo com o momento em que as uvas foram colhidas, o tempo de fermentação, as espécies de uvas e o acréscimo de outras substâncias.

Porém, isso não se aplica a todos os rótulos. Os vinhos do Porto, que recebem a adição de aguardente vínica, costumam ter 19% ou 20% de teor alcoólico.

Por outro lado, existem os chamados vinhos leves, que são aqueles mais ácidos, menos tânicos e com teor alcoólico que pode ficar entre 7,5% e 9%.

Nunca é demais explicar que o teor alcoólico é a concentração de álcool que existe naquela bebida. Por exemplo, se uma garrafa de vinho tem 750 mL e teor alcoólico de 14%, então significa que ela tem 105 mL de álcool.

Como o Teor Alcoólico do Vinho Interfere em Seu Sabor?

O teor alcoólico de um vinho é uma característica muito importante. Afinal de contas, se ele não tiver nada de álcool, então não pode ser considerado um vinho, mas sim um suco de uva.

É comum ver pessoas que escolhem os rótulos de vinho apenas por seu teor alcoólico, o que pode ocorrer devido a uma preferência pessoal, mas o vinho é uma bebida muito completa, cujo sabor depende de muitas outras variáveis.

Um dos muitos adjetivos do vinho é maciez. Um vinho macio significa que ele desce mais suave pela garganta, e o teor alcoólico vinho tende a influenciar nessa característica, já que, geralmente, vinhos mais alcoólicos são mais macios.

Isso não quer dizer que os vinhos mais “duros” (oposto dos macios) sejam ruins, muito pelo contrário, apenas ressaltam diferentes características da bebida no momento em que ela é degustada.

A associação do teor alcoólico vinho com o corpo da bebida, que é a sensação que nós temos de volume na boca na hora de degustar, também é relativamente comum, embora seja um pouco equivocada.

Vinhos mais alcoólicos tendem, sim, a ser mais macios, mas o corpo do vinho é definido por uma série de fatores, como taninos, açúcar e álcool. Então, nem sempre vinhos mais alcoólicos serão mais encorpados.

O teor alcoólico e a doçura do vinho costumam andar juntos, inversa e proporcionalmente ao que acontece com os taninos e a acidez. Geralmente, quanto mais doce, menos ácido, e quanto mais alcoólico, menos tânico é o vinho.

Quais São os Cuidados na Hora de Escolher o Teor de Álcool do Vinho?

Saber as diferenças entre vinhos tintos e brancos é relativamente simples, principalmente pela cor e pelo sabor dos vinhos, mas identificar o teor alcoólico de um vinho sem olhar para o rótulo já é algo mais complexo.

É preciso muito aprendizado para se tornar um enófilo cada vez melhor, e isso quer dizer que devemos experimentar muitos vinhos até entendermos suas características e podermos definir nosso gosto pessoal.

Por isso, não é erro nenhum escolher um vinho mais ou menos alcoólico: isso apenas resultará em uma experiência diferente, que o ajudará a identificar novos sabores e propriedades.

Essa não é uma questão como escolher a melhor taça de vinho, que é algo comprovado e mais teórico, já que o sabor mais alcoólico pode agradar mais a uma pessoa do que a outra, de acordo com o seu paladar.

O maior cuidado com os vinhos mais alcoólicos deve ser com o consumo excessivo, embora isso deva ser observado em todos os vinhos. Por mais deliciosos que eles sejam, moderação é sempre importante.

teor alcoólico vinho

Percepção do Álcool no Vinho: Mais um Passo no Aprendizado

Esse passo a passo no mundo dos vinhos é muito interessante, já que é possível aprender na prática como o teor alcoólico vinho influência em seu sabor, qual é a sua relação com a doçura e a presença dos taninos.

Depois de alguns meses e rótulos, você já terá muito mais conhecimento sobre essa bebida tão famosa e que merece todo o destaque que recebe, já que é muito mais especial do que sua aparência possa demonstrar.

Então, fica o conselho: o teor alcoólico vinho pode mudar o seu sabor e está relacionado com sua doçura, e não há nada melhor para comprovar esse fato do que escolher os melhores vinhos online e degustar. Saúde!

0 comentários
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *