Vinho Tinto Parallèle 45 Côtes Du Rhône 2012

Vinho Tinto Parallèle 45 Côtes Du Rhône 2012

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars Loading...

Um dos melhores e mais consagrados Côtes du Rhône, chamado de delicioso pela revista Wine Spectator, o Parallèle 45 é produzido pela reputada família Jaboulet. Rico, intenso e saboroso, é o Best Value entre todos de sua região, segundo o crítico Frank Prial, do New York Times. Belo achado!

País: França França
Região: Rhône
Produtor: Paul Jaboulet Aîné
Tipo: Tinto
Teor alcoolico: 14%
Tamanho da garrafa: 750ml
Temperatura de serviço: 16°C a 18°C

Em até 3x de R$36,33 s/ juros

Rhône
Rhône

Vinificação

Produzido com uvas das cepas Grenache, Cinsault e Syrah. A fermentação acontece em tanques de aço inoxidável sob temperatura controlada. O vinho matura em tanques de aço inoxidável.

Harmonização

Acompanha carnes vermelhas grelhadas ou cozidas, carnes de caça e queijos envelhecidos.

Sobre a vinícola

Paul Jaboulet rivaliza com Chapoutier pelo posto de melhor produtor do Rhône. O vinho Hermitage La Chapelle é um dos maiores vinhos franceses, que na safra de 1961 foi considerado um dos "12 Vinhos do Século" pela Wine Spectator. Todos seus outros vinhos estão entre os melhores da região. Já o Parallèle 45 apresenta uma relação qualidade e preço incomparável. O produtor Paul Jaboulet Aîné possui outras variedades de vinhos tão marcantes quanto o vinho La Chapelle, exemplar encorpado e complexo, composto por diferentes tipos de aromas e sabores, que necessita de 20 a 30 anos para suavizar, se desenvolver e revelar as características que lhe deram o enorme prestígio. O vinho tinto Crozes-Heritage é outro destaque do produtor que apresenta excelente relação qualidade e preço, elaborado à base da uva Syrah e marcado por seu sabor opulento e exuberante, típico da região do Rhône. Um dos principais vinhedos do produtor Paul Jaboulet Aîné é Hermitage, que apresenta 22 hectares de área cultivada e é responsável pela produção dos melhores vinhos da casa. Em seguida, encontram-se os vinhedos Méal, Maisons Blanches, Bessards, Diognieres, La Croix e Rocoules. A vinícola Paul Jaboulet Aîné foi fundada no século XIX, em 1834, por Antoine Jaboulet, prosperando apenas anos mais tarde na mão dos seus dois filhos – Henri e Paul –, que lhe atribuíram o nome de “Paul Jaboulet Aîné”. Foi apenas na gestão de Louis e Jean, outra geração da família Jaboulet, em 1961, que o vinho Hermitage La Chapelle foi produzido, aclamado como um dos melhores vinhos já produzidos. Em 2005, a vinícola foi adquirida por um investidor franco-suíço, e a produção de vinhos passou às mãos de Caroline Frey e do consultor Denis Dudorbieu, que investiram em novas adegas e vinícolas nas regiões de Côte-Rôtie e Châteauneuf-du-Pape, aumentando ainda mais a notoriedade de Paul Jaboulet Aîné perante o mundo do vinho.