main product photo

Vinho Fishing Monkey Reserve Rosé 2019


Sobre o Vinho

O Vinho Fishing Monkey Reserve Rosé é um rótulo que demonstra que não é só de tintos que vive a Argentina! Elaborado pela Bodega Lagarde, uma vinícola que vem destacando-se pela alta qualidade de seus vinhos. O nome dessa gama, Fishing Monkey, é uma homenagem ao sobrenome da família Pescarmona, sendo composto por Pescar e Mona, que significa Macaco. Produzido com um corte das uvas Malbec e Pinot Noir, oriunda de vinhedos localizados entre 980 e 1050 metros de altitude, em Luján de Cuyo e no Vale do Uco, dentro da região vitivinícola de Mendoza. Apresenta um belíssima coloração rosada, no nariz revela aromas de frutas vermelhas frescas, como cereja e framboesa. Um Vinho Rosé fresco e delicado. Em boca conta com excelente acidez e um final longo. Não deixe de experimentar esse ótimo Vinho Argentino!

Em estoque
R$125,00
Em até 3x de R$41,67 s/ juros
Consultar Valor do Frete

    Produzido com um corte das uvas Malbec (50%) e Pinot Noir (50%), oriunda de vinhedos localizados entre 980 e 1050 metros de altitude, em Luján de Cuyo e no Vale do Uco, dentro da região vitivinícola de Mendoza, na Argentina. As variedades são vinificadas separadamente. As uvas passam pelo processo de maceração pré-fermentativa por um período de vinte e quatro horas. A fermentação alcoólica ocorre em tanques de aço inox, sob temperatura controlada de 18ºC. Não é realizada fermentação malolática e o vinho também não estagia em madeira, visando preservar o frescor.

    Um ótimo companheiro para peixes, frutos do mar e pratos da culinária japonesa, como sushi e sashimi.

    Fundada em 1897, a Bodega Lagarde foi adquirida em 1969 pela família Pescarmona, que imprimiu um selo que marcaria sua identidade como uma vinícola familiar produtora de vinhos de alta gama, destacando-se tanto na Argentina, quanto no resto do mundo. Entre as décadas de oitenta e noventa, a vinícola dedicou-se a aprofundar seu estilo e a qualidade de seus vinhos. A Bodega Lagarde foi um dos primeiros produtores a cultivar as variedades Viognier e Moscato Bianco na América Latina, seguindo seu objetivo de inovar sempre. Hoje, a vinícola é liderada pelas jovens Sofía e Lucila Pescarmona, representando a terceira geração da família, continuando com o projeto de criar vinhos únicos, equilibrando perfeitamente o passado e o futuro.